5 provas de que você lidera muito melhor (no trabalho) depois de ser mãe


Carolina Leitão
por: Carolina Leitão
Carolina Leitão é sócia da WBM, consultoria e educação para empreendedorismo

Chefes que repensam os próprios atos e assumem sua parcela de responsabilidade quando as coisas não vão bem não são tão fáceis de encontrar. Mas adivinha só? É exatamente isso que uma mãe faz cotidianamente, umas 500 vezes por dia (foto: 123 TRF)

Ser mãe só nos torna melhores. Inclusive melhores profissionais. A maternidade é um treinamento intensivo que transforma a mulher em líder, capaz de pensar o macro e o micro como ninguém. Quer provas? Aqui temos 5 pontos que provam como a maternidade e a liderança têm tudo a ver. E que a sua performance como mãe pode ser traduzida facilmente para o universo do trabalho – aliás, será que você já está fazendo isso e nem percebeu?

1- Mães assumem a responsabilidade

Chefes que repensam os próprios atos e assumem própria parcela de responsabilidade quando as coisas não vão bem não são tão fáceis de encontrar. Mas adivinha só? É exatamente isso que uma mãe faz cotidianamente, umas 500 vezes por dia. Toda vez que o filho comete erros a mãe imediatamente olha para si mesma e pensa onde foi que ela errou, como pode ajudar o filho a modificar o comportamento e como pode ser uma melhor líder/mãe.

2- Mães ensinam persistência e buscam que os filhos sejam melhores do que ela mesma.

Mães são incansáveis para que o filho seja uma pessoa melhor (e mais bem sucedida) do que ela mesma. Esse altruísmo é, normalmente, intrínseco à maternidade e pode facilmente ser explorado e traduzido para o universo do trabalho. Afinal de contas, um bom líder é aquele que busca desenvolver as habilidades individuais das pessoas no seu time e busca os recursos possíveis para que elas se destaquem.

3- Mães ensinam que as pessoas são diferentes e precisam ser respeitadas na sua individualidade.

Uma das tarefas centrais na maternidade é ajudar o filho a desenvolver empatia, solidariedade e respeito. É ensinar que as pessoas são diferentes mas devem ser respeitadas de maneira igual, que as pessoas devem ser ouvidas, que não devem ser interrompidas, que “não é não” e que devem ser tratadas da maneira como nós mesmos gostaríamos de ser tratados. Alguém que ocupa um cargo de liderança deve ser capaz de respeitar e lutar para dar oportunidades iguais às pessoas do seu time, independente de cor, sexo, idade, orientação sexual e classe social. Uma mãe sabe bem disso.

4- Mães tomam decisões difíceis e, no meio do caos, o tempo todo.

Normalmente, quando o problema chega “na chefia” é porque nenhuma outra pessoa conseguiu resolver. Ocupar um cargo de liderança significa tomar decisões difíceis e, muitas vezes, em cima da hora. Tomar decisões complexas, com impacto duradouro e no calor do momento, faz parte do dia a dia de uma mãe. Mães tomam decisões estratégicas e complexas o tempo todo. De escolher entre alopatia ou homeopatia à linha pedagógica da escola; da forma de administrar o caos de uma birra à quem vai ficar com o filho enquanto ela trabalha. E por aí vai…

5- Mães são multitask

Uma pessoa que ocupa um cargo de liderança deve ser capaz de, ao mesmo tempo, analisar e montar a estratégia da área como um todo, além de ser capaz de perceber as nuances e dificuldades individuais de seu time. É um tanto overwhelming.  Alguma semelhança com o tanto que a gente também fica sobrecarregada com a maternidade? Total. Ser multitask é uma característica clássica da maternidade! Mães aprendem rapidinho, querendo ou não, a lidar com mil tarefas ao mesmo tempo. Separar uma briga de criança, argumentar indefinidamente com o filho, apontar novas maneiras de agir e, ao mesmo tempo, fazer uma lista mental do supermercado e preparar o almoço ensina qualquer mulher (ou homem) a lidar com mil tarefas ao mesmo tempo.

Diversas caraterísticas de liderança já estão presentes na maneira de agir de uma mãe! Portanto, almejar e encarar uma posição de liderança, conquistar uma promoção, é sim, para você mulher e mãe. E que as empresas nos ouçam.

Um beijo,

Carol

Carolina Leitão é sócia-proprietária da WBM, que presta serviços de consultoria e educação focada em empreendedorismo e internacionalização de empresas. Sediada em Miami e São Paulo. Instagram: @wbm.miami

 

  • Carolina Leitão

    Mãe do Leonardo, de 5 anos, um sapeca e devorador de livros. Carolina é uma ex-poliana, que ama o silêncio quando está debaixo d'água. É co-fundadora do Fala Frida e sócia-proprietária da WBM, uma empresa que presta serviços de consultoria e educação focada em empreendedorismo e internacionalização de empresas, sediada em Miami e São Paulo.

Data da postagem: 22 de março de 2019

Tags: , , ,

Vale a pena dar uma olhada na minha seleção de produtos incríveis e serviços
 que facilitam sua vida de mãe ;)