Cuidados e exames para quem quer ter filhos


Equipe de Pediatras Fleury Medicina e Saúde
por: Equipe de Pediatras Fleury Medicina e Saúde
Todo mês, um médico especialista escreve para as it-mães

Por Daniela Piotto

Pediatra do Fleury Medicina e Saúde

Além dos exames que podem garantir uma gestação saudável, praticar exercícios físicos regularmente, não fumar, não beber, manter uma dieta equilibrada são maneiras simples e eficazes para realizar o sonho de ter um bebê (foto: 123 TRF)

 

Antigamente, os casais faziam um check-up antes de casar, o chamado exame pré-nupcial, pois ficava implícito que eles iriam querer ter filhos logo depois do casamento. Os tempos mudaram e os casais hoje têm se preocupado mais com a saúde e realizado exames regulares anualmente. Para os casais que não estão com o check-up em dia, vale para a mulher o conselho de agendar uma consulta com o ginecologista pelo menos três meses antes do início das tentativas de engravidar, para avaliar a história clínica, genética, as condições físicas e psicológicas como futura gestante. Já o homem, pode fazer seu check-up e também procurar um urologista. A consulta pré-concepcional do casal é de extrema importância para identificar as possíveis disfunções que podem prejudicar a mamãe e o bebê.

 

Os cuidados e exames fundamentais que devem ser realizados antes da gravidez:

1. Exames de análises clínicas: hemograma para investigação de infecções e anemia; sorologias para avaliar a imunidade da mulher para doenças como rubéola, toxoplasmose, citomegalovírus, HIV, sífilis e hepatites. Glicemia em jejum para verificar a concentração de glicose no sangue e, assim, avaliar se há risco para o desenvolvimento de diabetes gestacional. Tipo sanguíneo e o fator RH para identificar a incompatibilidade sanguínea. Se a mulher possuir RH negativo e o homem positivo há o risco de o corpo dela produzir anticorpos contra o sangue do bebê. Nestes casos, há indicação de uma vacina na gestante para minimizar este risco.

2. Exames hormonais como FSH, LH, estrógeno, prolactina e progesterona são solicitados durante o ciclo menstrual e servem para verificar se a mulher tem ovulação, quando ela ocorre e qual é a qualidade da mesma. Exames para avaliação da função tireoidiana que exerce um papel importante no processo de ovulação e manutenção da gestação, portanto, seu mau funcionamento pode ocasionar dificuldades para engravidar e aumentar as chances de aborto.

3. Dosagem de vitaminas, como ácido fólico, vitamina B e D, que são importantes na formação do feto e na qualidade da gravidez.

4. Exames de fezes e de urina com o objetivo de verificar se há alterações no sistema digestivo e urinário para que seja iniciado o tratamento precocemente.

5. Papanicolau com pesquisa para o HPV.

6. Ultrassonografias e Histerossalpingografia para avaliar a integridade anatômica do útero, trompas e colo uterino.

7.
Testes genéticos: realizados apenas se há história familiar de doenças genéticas ou história de abortos de repetição. A análise do DNA, por meio de uma amostra de sangue, pode detectar anormalidades cromossômicas no casal e pode ser necessário um aconselhamento genético.

8. Aferição da pressão arterial, peso e altura. A obesidade e a hipertensão são comorbidades que interferem na concepção, na gravidez, no trabalho de parto e na saúde do bebê.

9. Atualizar o cartão de vacinas: se você nunca teve catapora ou sarampo ou não realizou as vacinas contra essas doenças na infância, o médico pode recomendar as vacinas porque elas podem afetar o bebê se você adoecer grávida. Outra imunização possível é contra a hepatite B e antitetânica, dependendo do resultado do seu exame de sangue. Caso não tenha tomado a vacina contra febre amarela e reside em uma região considerada de risco, a recomendação é receber a vacina antes da gestação e aguardar pelo menos 30 dias para engravidar.

Mas não são só os exames que podem garantir uma gestação saudável! Praticar exercícios físicos regularmente, não fumar, não beber, manter uma dieta equilibrada são maneiras simples e eficazes para realizar o sonho de ter um bebê.

 

 

 

  • Equipe de Pediatras Fleury Medicina e Saúde

    O Fleury Medicina e Saúde conta com uma equipe de pediatras nas unidades Vila da Saúde, estruturadas especialmente para o atendimento pediátrico, para esclarecer as dúvidas das famílias em relação aos exames de seus filhos, oferecer suporte nos procedimentos, acompanhar os resultados urgentes e prestar assessoria médica ao pediatra da criança. Dentre eles, há pediatras especializados em imunização, endocrinologia, reumatologia, alergia, infectologia, entre outros

Data da postagem: 15 de março de 2019

Tags: , , ,

Vale a pena dar uma olhada na minha seleção de produtos incríveis e serviços
 que facilitam sua vida de mãe ;)