Responsabilidade se aprende em casa


Carla Racy Haddad Marques
por: Carla Racy Haddad Marques

Arrumar a bagunça que fez pode estar na lista de tarefas do seu filho (foto: It Mãe)

É fácil falar! Esta é a sensação que eu fico toda vez que leio textos sobre como cuidar das crianças, impor limites, ensinar ter responsabilidade etc. Por isso achei que  precisaria explicar como fazer para que seu filho passe a participar mais da rotina da casa, se responsabilizar mais sobre a organização das coisas dele, enfim, fazer um milagre : )

A grande verdade é que não tem segredo nenhum. Pelo menos não para americanas e europeias que desde cedo colocam as crianças para ajudar. Mas como elas fazem? Incentivo! Motivação! Não existe nada mais poderoso do que o elogio, o reconhecimento do trabalho. Mas para dar forma a tudo isso e garantir consistência e coerência, você pode montar uma tabela, como eu fiz em casa. Coloque os dias da semana e as tarefas que você ensinou para seu filho e sabe que ele pode fazer por si mesmo de acordo com a idade, claro: arrumar a cama, guardar os brinquedos, manter o quarto organizado, fazer a lição de casa.

A cada tarefa cumprida, seu filho ganha um selinho (que pode ser uma estrela, um coração…), com um sonoro PARABÉNS (ou elogio à sua escolha). Quando ele alcançar uma quantidade determinada de selinhos (não crie metas muito distantes), ele receberá um prêmio. Isso despertará nele a consciência de que o esforço, dedicação e comprometimento trazem bons frutos. Vale destacar que o prêmio pode ser qualquer coisa: fazer um passeio legal, ficar um dia acordado até mais tarde, etc.

No começo, coloquei poucas tarefas a serem realizadas e supervisionei. Ter horários fixos dentro da rotina também ajuda muito! Assim dá para transformar a tarefa em um hábito. Mas, se o seu filho for igual às minhas filhas, um dia ele estará cansado, no outro com dor na mão, no outro não saberá/ lembrará como fazer aquilo porque é muito difícil… enfim, uma lista infinita de desculpas. Não desista! Em primeiro lugar, saiba que ele faz tudo isso e muito mais na escola. Se as professoras conseguem, você também consegue! É importante lembrar seu filho da importância de manter os brinquedos e quarto organizados, de como todos na família podem e devem participar, que isto abre novas oportunidades para ele. Seja firme, mas não deixe de incentivá-lo. Acredite em mim! Dá certo e as recompensas para todos são incontáveis. 

Bom, agora só falta você arregaçar as mangas, organizar seu plano, conquistar seu filho com a oportunidade de conseguir muitas coisas legais e ainda fazer o bem. Me conta depois como seu plano está andando, tá?

Boa sorte!

Carla Racy Haddad Marques é diretora da Tiny People Bilingual School no bairro de Pinheiros, em São Paulo. Formada em Comunicação Social pela ESPM e pós graduada em Teaching English to Speakers of Other Languages (TESOL) pela Univesity of California, San Diego (UCSD). Atua há cerca de 20 anos em educação e ensino de inglês para crianças e adolescentes. Atualmente, vive com seu marido e suas filhas Lara (7) e Liz (5) em Londres onde desenvolve novos projetos educacionais para a Tiny People. Também é membro do conselho da escola Middle Park Primary School, para o qual foi eleita Parent Governor para o quadriênio 2012/ 2016. É apaixonada por línguas e pelo universo bilíngue.

  • Carla Racy Haddad Marques

    Mãe de Lara (7) e Liz (5), diretora da escola de educação infantil Tiny People Bilingual School, vive antenada com os novos rumos do ensino infantil

Vale a pena dar uma olhada na minha seleção de produtos incríveis e serviços
 que facilitam sua vida de mãe ;)