Siga itmae
facebook
twitter
rss
instagram
youtube
pinterest
Participe do itmãe
facebook
twitter
rss

GUIA IT MÃE - Produtos, serviços e lugares selecionados que a gente indica! CLIQUE AQUI >>

O papel de mãe vai além da maternidade, diz Ana Furtado

Publicado em 04.08.2016 | por

anafurtado_isabella

 Ana Furtado brinca de se maquiar com a filha Isabella (Foto: reprodução Instagram)

A atriz e apresentadora do programa “É de Casa” (TV Globo), Ana Furtado, 42, tem uma rotina, digamos, bem próxima da realidade de muitas mães. Como ela mesma conta nessa entrevista ao It Mãe, a sua agenda é bastante cheia, mas ela garante que se desdobra para poder estar sempre perto da filha, Isabella (Bella, como ela gosta de chamá-la), de 8 anos.

“Tempo para mim mesma é algo um pouco raro. Às vezes preciso deixar de treinar [academia] para assistir às apresentações da escola, por exemplo, ou de fazer unha e de almoçar para levá-la a uma consulta médica. A minha filha é a minha maior prioridade”, conta. Alguém se identifica? Para estar “perto” da filha quando viaja a trabalho, ela dá uma dica: ela e Bella se falam pelo aplicativo Facetime, aí aproveitam até mesmo para rezar juntas antes de dormir. Além disso, Ana coloca o despertador para dar bom dia à filha, antes dela ir à escola. A seguir, ela conta um pouco mais sobre os desafios para conciliar o papel de mãe e a carreira.

It Mãe: Você já declarou que se sentiu muito culpada, como mãe, por ter uma agenda cheia de compromissos. Já consegue driblar esse sentimento?

Ana Furtado: A sensação de culpa, às vezes, é inevitável e difícil de administrar. A primeira vez que eu senti isso foi quando tive de voltar a trabalhar e ainda estava amamentando. Deixei leite armazenado, mas queria largar tudo e ficar em casa para dar o peito. Foi difícil e frustrante para mim, um dilema. Mas eu tinha de resolver e superar aquilo. Fui trabalhar com o coração partido. Depois percebi que minha filha tinha ficado muito bem durante o dia, se alimentou direito e me recebeu com um sorriso lindo quando cheguei em casa. Naquele momento entendi que o meu papel de mãe ia além da maternidade e que também preciso ser e me sentir mulher, ser produtiva para dar um futuro melhor para a Bella. Hoje sei que preciso seguir o meu caminho, agora na companhia dela, e fazê-la se orgulhar de mim.

It Mãe: Como é a rotina de uma mãe e mulher que precisa trabalhar aos sábados (o programa É de Casa é ao vivo no sábado)?

Ana Furtado: Eu sempre fiz questão de dedicar os finais de semana para a minha família. Agora, com o [programa] ‘É de Casa’ [TV Globo] no ar, continuo fazendo isso, mas nossos passeios começam um pouco mais tarde. A gente gosta de sair para andar de bicicleta, andar com os nossos cachorros, sair para almoçar, ir ao cinema juntinhas, visitar a vovó e encontrar os primos.

 

anafurtado_bella_01

Mãe e filha se divertem no Carrossel (Foto: Reprodução Instagram)

It Mãe: Como você faz para organizar sua agenda entre o trabalho, sua filha e o marido?

Ana Furtado: É uma loucura. Na verdade, eu me considero mais uma mulher do mundo que tem que se virar para tudo isso dar certo. Não abro mão de levar a minha filha na escola, brincar, dar o jantar, fazer o dever de casa com ela e colocá-la para dormir. Nem sempre consigo fazer tudo isso porque, além de trabalhar sem um horário fixo, eu viajo bastante para gravar. Mas sempre que viajo, independentemente do meu fuso horário, ligo para a Isabella quando ela está indo para a escola, por exemplo. Coloco o despertador para não falhar porque aí posso dar um ‘primeiro beijo’ e desejar que ela tenha um bom dia na escola. Então, o telefone é nosso aliado, inclusive na hora do dever de casa. Sempre que ela tem uma dúvida nos falamos por Facetime ou para eu dizer boa noite e rezarmos juntas. Quando posso também levo a Bella comigo para acompanhar o programa lá dos estúdios, enquanto apresento.

Bella com Ana Furtado e o pai, Boninho (de camiseta azul), na companhia dos colegas de trabalho da mãe (Foto: reprodução Instagram)

It Mãe: E quando você consegue reservar um tempinho para si mesma?

Ana Furtado: Tempo para mim mesma é algo um pouco raro, mas sei que não posso cuidar de todos e esquecer de mim! Então, procuro treinar cerca de uma hora, três vezes na semana, aí me sinto mais disposta a semana inteira. Mas às vezes preciso abrir mão disso em nome da Isabella. Deixo de treinar para assistir às apresentações da escola, por exemplo, ou de fazer unha e de almoçar para levá-la a uma consulta médica. A minha filha é a minha maior prioridade.

It Mãe: Como é trabalhar com a Fátima Bernardes (Ana substitui a apresentadora nas férias)? Vocês trocam figurinhas sobre a maternidade?

Ana Furtado: A Fátima, para mim, é uma referência profissional muito forte. Conversamos sobre filhos, sim, mas as idades deles são bem diferentes. Então, às vezes, os papos são engraçados. Eu projetando “aflita” o meu futuro, imaginando a Bella adolescente, e a Fátima lembrando dos tempos da infância, com os filhos debaixo das asas, ao alcance dos olhos dela.

It Mãe: A maternidade era como você esperava?

Ana Furtado: Eu me assustei quando descobri que estava grávida e senti medo. Uma sensação estranha e contraditória porque eu estava gerando um milagre. Depois a gente percebe que o medo vem acompanhado de muito amor. Mas lembro que eu sempre ia no berço para ver se ela estava respirando! Acho que essa é uma preocupação clássica das mães. Colocava o dedo no narizinho para ter certeza de que estava tudo bem. Ah, também ficava horas colocando ela para arrotar com medo de refluxo no berço. Fiquei praticamente sem dormir nas duas primeiras semanas!

Comemorando o aniversário de 8 anos da filha (Foto: Reprodução Instagram)

It Mãe: Como você fez para manter a forma na gravidez?

Ana Furtado: Eu tinha uma alimentação saudável durante a gestação. Engordei 14 quilos e a Isabella nasceu com quatro quilos. A amamentação me ajudou muito a voltar ao peso de antes. Sou vaidosa, mas sem pressão, sem cobranças. Lembro que eu comia muita clara de ovo para produzir colágeno e ajudar na elasticidade da pele. Além disso, eu preparei o meu peito com bucha vegetal, durante os banhos. Mas foi tudo sem neuras. Agora mais madura, a minha maior preocupação é ter saúde e poder acompanhar o crescimento da minha filha. Com tudo “em cima” ou não, essa é a minha prioridade. A perfeição não existe e as marcas do tempo vão ser um registro do que eu viver.

Siga a gente no Instagram: @itmae

Gostou do post?

Cadastre seu e-mail e receba novidades!

Tags:, , , , , , , ,
Você também pode gostar de:

Uma super semana pra você!

Quem é o pai dos seus filhos?

Tome as rédeas da situação

Quem faz
Patricia Gattone

Patricia Gattone

Jornalista e autora do blog Espaço de Mulher (www.espacodemulher.com), é casada e apaixonada por tudo que envolve o universo feminino.

Nossa seleção especial está aqui!
Encontre produtos, serviços e espaços indicados pelo It Mãe!

Clube It Mãe

Deixe seu e-mail e fique por dentro das novidades!

itmãe 2017 - Todos os direitos rervados