Organização total na brinquedoteca


Ingrid Lisboa
por: Ingrid Lisboa
Especialista em organização residencial e pessoal, consultora e palestrante

Um dos segredos de organizar e manter os brinquedos sempre em ordem é divid-los por categorias e deixá-los em lugar de fácil acesso para quem as crianças possam pegar e aprender a evolver no lugar  (foto: Home Organizer)

Em dezembro de 2015, um ano depois do nascimento de sua segunda filha, Vanessa Bernardo e o marido chegaram à conclusão de que precisavam de um apartamento maior. Mudaram-se, mas foram surpreendidos por uma série de problemas (infiltração, cupim…) e tiveram que passar quase um ano morando na casa dos pais dela enquanto reformavam o novo apartamento. Foi uma despesa enorme e uma situação que não estava nos planos.

Retornaram para o novo apartamento só em janeiro de 2017 e então Vanessa atravessou uma época de correria gigantesca no trabalho (sabemos bem como é!), com equipe super reduzida… não arrumava tempo para montar o tão sonhado quarto de brinquedos para as filhas Sofia, 3, e Manuela, 6.

Foi suportando ver os brinquedos espalhados na sala de TV, em seu quarto e alguns ainda em caixas. “O pior de tudo é que não conseguia ver um espaço na agenda para me programar e fazer a tão esperada organização dos brinquedos, de forma que minhas filhas pudessem ter acesso, para brincar, mas soubessem onde colocá-los no final de cada brincadeira”, conta.

Foi então que Vanessa leu sobre a nossa ação de dia das mães Help It Mãe, que teve como objetivo dar uma ajuda especial para mães que vivem na correria, sem tempo pra quase nada. E mandou um e-mail para participar. Eu fui uma das especialistas do It Mãe que ofereceu esse presente na categoria organização. E foi muito bacana ajudá-la a ter, enfim, a brinquedoteca para as filhas.

Vou contar aqui como foi a nossa organização para que você possa se inspirar e, quem sabe, fazer na sua casa também:

1- Fazer um belo descarte Vanessa me contou que passou dois dias empenhada em verificar todos os brinquedos e decidir quais as meninas não queriam mais. Isso ajudou a reduzir a quantidade e fazer com que a organização priorizasse apenas o que teria mesmo uso.

2- Definir onde guardar Para manter tudo em ordem, o ideal é ter várias caixas e cestos a fim de colocar em cada um deles um tipo de brinquedo. Também valem gavetas e estantes com vários nichos. Assim fica tudo dividido por categoria – mais fácil de achar e guardar depois

 

Esse tipo de prateleira é uma opção para guardar jogos e livros (foto: Home Organizer)

 

3- Etiquetar Para facilitar a vida no momento de procurar um brinquedo ou guardá-lo, coloque etiquetas com os nomes das categorias na gavetas e caixas, mesmo quando elas forem transparentes. Cestos vazados são ótimos, porque dão fácil acesso e ainda é possível ver tudo o que está dentro deles.

 

Para saber o que tem dentro das gavetas… etiquetas com descrição (foto: Home Organizer)

 

Caixas também são ótima opção para itens pequenos (foto: Home Organizer)

 

4- Envolver as crianças Sofia e Manuela participaram da organização e ficaram interessadas e super empolgadas com a arrumação. Até porque redescobriram brinquedos que não viam há tempos, desde a mudança. Estar junto no momento a organização motiva as crianças a aprender que tudo tem um lugar certo e, assim, entenderem a importância de manter as coisas no lugar. Além disso, elas entendem que a organização não é mágica. Leva tempo para separar, organizar, sair para comprar caixas. E assim tendem a valorizar ainda mais o trabalho feito.

 

Manuela superinteressada nas dicas de organização de seus brinquedos! (foto: Home Organizer)

 

Cestões e baús guardam itens mais volumosos (foto: Home Organizer)

Foi gratificante! Especialmente receber um e-mail sabendo como a vida da família mudou para melhor com a organização do espaço:

“Estamos muito muito muito felizes! Depois de tanto tempo e de todas as surpresas desagradáveis que tivemos, as meninas falando o tempo todo que queriam voltar para o nosso antigo apartamento… Agora ter a tão sonhada brinquedoteca e uma sala livre de brinquedos tem sido um sonho! Elas estão amando. A Manu até convidou uma amiga para vir brincar com ela. Meu marido ficou extremamente feliz quando chegou em casa e viu a sala arrumada, sem brinquedos e se surpreendeu com o tamanho da sala, rs… Eu também! De coração, mais uma vez, muito obrigada!”

 

 A brinquedoteca organizada com espaço para brincar e ser feliz (foto: Home Organizer)

  • Ingrid Lisboa

    Para a mãe do Emiliano e criadora da consultoria Home Organizer, o segredo de uma casa em ordem é descomplicar. Ela escreve no canal Tudo organizado

Vale a pena dar uma olhada na minha seleção de produtos incríveis e serviços
 que facilitam sua vida de mãe ;)