6 dicas para dar um banho relaxante no bebê


Daniela Folloni
por: Daniela Folloni
Jornalista fundadora e diretora de conteúdo do Portal It Mãe

*publieditorialImagem banho 2

O horário mais indicado para um banho relaxante é o fim da tarde (Foto: CrayonStock)

O banho também é uma oportunidade de fortalecer o vínculo entre você e o pequeno, sabia? Afinal, ele não serve apenas para limpar o seu bebê, mas também para deixá-lo mais relaxado. Como por aqui as temperaturas são amenas na maior parte do ano, não há problema em dar mais de um banho por dia nele – o primeiro, inclui lavar a cabeça, o corpinho e as genitálias (sempre com produtos específicos para crianças), terminando com a higiene do umbigo e a troca de fraldas. Já o banho relaxante é mais indicado para o final da tarde, com o objetivo de tranquilizá-lo para a hora de dormir. Nem sempre é preciso higienizar o seu filho novamente, especialmente os recém-nascidos que pouco se sujam, já que o principal agora seria o contato com a água. A seguir, a enfermeira especializada em gravidez e puericultura Wanessa Bastos, do Cuidar Materno, dá dicas para tornar esse momento mais gostoso ainda.

1) Deixe tudo pronto antes

Para evitar que o pequeno se resfrie, garanta que todas as portas e janelas estejam fechadas, impedindo a passagem de correntes de ar. Deixe toalhas, roupinhas, fraldas e demais objetos organizados e à mão. Assim, os cuidados pós-banho serão mais rápidos, evitando chororô. O ideal é que a criança fique de 5 a 10 minutos na água, antes que ela se esfrie.

2) Deixe o bebê enrolado em uma fralda de pano 

Seja em banheira tradicional ou ofurô, a técnica do “pacotinho” funciona bem com recém-nascidos. Pois ajuda o o pequeno a se sentir mais protegido, já que lembra o conforto do útero da mãe. Aos poucos, à medida que ele ficar mais habituado ao banho, pode entrar na água sem a fralda de pano. Claro que só vale para o segundo banho, pois fica inviável higienizar o bebê assim.

3) Faça massagens antes do banho

A shantala, tipo de massagem indiana feita especialmente em bebês, é uma ótima maneira de começar o banho. Normalmente, ela é realizada com o bebê totalmente pelado (ou apenas de fralda), deitado sobre as pernas da mãe, que fica sentada ao chão com as costas apoiada. Se quiser, use um óleo natural nas mãos para tornar a massagem mais suave.

4) Atenção à temperatura da água

Em dias quentes, é indicado que a água esteja em torno dos 37˚C. É importante que você tenha o cuidado de verificar a temperatura com o dorso da mão (ou um termômetro específico para isso, se preferir) antes de colocar o bebê na água. Em dias mais frios, a temperatura pode variar entre 37,5˚C e 37,8˚C. Se o bebê começar a revelar sinais de desconforto, é só colocar um pouco mais de água fria.

5) Experimente aromatizar o ambiente

Para recém-nascidos, não é recomendável colocar nenhum produto na água. Mas você pode deixar o local do banho com um cheirinho mais gostoso com a ajuda de um aromatizador de ambiente, seja em forma de difusores ou sachês. Prefira, claro, essências mais fracas e naturais. No bebê, use produtos com aroma suave, como o shampoo e o condicionador da linha Hidratação Enriquecida Baby Dove. Os produtos são formulados exclusivamente para a pele delicada dos bebês, são hipoalergênicos, com pH balanceado para todos os tipos de pele dos bebês, além de proporcionar um banho sem lágrimas.

6) Tente manter o corpinho dele embaixo d’água

Quanto mais o corpo do pequeno estiver fora d’água, mais frio ele vai sentir. Os pediatras indicam que a água da banheira fique entre 10 e 15 cm, para evitar acidentes. Ainda assim, tente manter o corpinho do bebê submerso na medida do possível para que ele se sinta confortável ali.

 

  • Daniela Folloni

    Jornalista, mãe de Isabela e Felipe, trabalhou nas revistas Vogue, Cosmopolitan e Claudia. Acredita que toda mãe merece sucesso, diversão, romance e oito horas de sono

Vale a pena dar uma olhada na minha seleção de produtos incríveis e serviços
 que facilitam sua vida de mãe ;)